segunda-feira, 30 de maio de 2016

10 MANEIRAS DE ESCAPARA DOS ESTUPRADORES

10 maneiras de escapar dos estupradores

Muitos inventores estão trabalhando em objetos para conter a fúria dos desses estupradores:

1 – Apareceu, não sei de onde, um inventor maluco que produziu um cano almofadado, com adaptação de um navalha para cortar o pênis insistente.

2 – Uma mulher vinha, há tempos, testando em laboratório uma camisinha feminina com garras metálicas para prender o membro.

3 – Um brasileiro até sugeriu um maneira de evitar estas crueldades colocando no pênis do infrator aqueles adoráveis peixinhos do Amazonas chamados de “Candirus”, de poucos milímetros, que uma vez no canal da urina, nunca mais saem, sendo necessárias intervenções cirúrgicas para arrancá-los. Podem até matar.

4 – Outro teste foi feito com uma espécie de furadeira... aí vocês já viram o estrago.

5 – Um choque potente de uma arma letal, dando tempo da mulher escapar.

6 – Pode-se pensar, também, nos tempos antigos, do cinto de castidade, criando-se uma calcinha especial.

7 – O indiano bem velhinho pensou numa espécie de agulhas envenenadas, bem acondicionadas num aparelho especial, que como dardos, acertaria o indivíduo.

8 – O mineiro, que é bem precavido sugeriu um facão paulista de cortar cana, com um metro de comprimento.

9 – O nordestino, muito engenhoso solucionou o problema amarrando uma peixeira bem naquele lugar.

10 – Finalmente a sugestão é de muita gente: castrar estes bandidos.

Quase tudo é brincadeira só o caso da camisinha feminina com garras metálicas estaria à venda. Trata-se de invenção uma médica africana. Pode ser pesquisada na internet sob o título de Rapex .

Manoel Amaral

segunda-feira, 23 de maio de 2016

BANDIDOS MODERNOS

BANDIDOS MODERNOS


Mais um banco foi explodido, R$50 milhões foram levados. Essas notícias nem repercutem mais. Os Bandidos usam as armas, os carros, as motos e até aviões modernos.


Enquanto a polícia não tem condições de enfrentá-los. Falta tudo: gasolina, pneus, carros novos e armamento. Elementos bons eles têm, mas o Governo não supre as suas necessidades.

Todos os dias, vemos novos assaltos a bancos em cidades pequenas, os bandidos levam todo o dinheiro e fica tudo por isso mesmo.

Fizeram até uma imitação do grande assalto ao Banco Central de Fortaleza, há alguns anos, quando levaram mais de 140 milhões. Eles alugaram uma casa velha anexa ao banco e num feriado derrubaram uma parede da agência e carregaram tudo que tinha lá dentro.

Num outro caso usaram até uma pá carregadeira para destruir a entrada do estabelecimento bancário. Em todos os casos tudo foi muito bem planejado: polícia imobilizada, população assustada. Explosão de madrugada e o dinheiro some no ar. Se recuperam alguma coisa, não passa de 10% do total, isso quando a importância é revelada.

As estratégias são as mesmas: rodovias desimpedidas para fuga, carros dando todo apoio. Atiram para todo lado para intimidar o povo. Fazem barreiras com carretas ou outros obstáculos que ninguém pode ultrapassar.

Num desses casos, em cidade pequena, tiveram a audácia de quebrar os cadeados e colocando novos impedindo a polícia de sair com as viaturas para perseguição. Sem contar os pregos “miguelitos” que são sempre usados.

Em casos mais difíceis entram por estradas de terra e a seguir por rodovias asfaltadas.

Explodem carros-fortes com a maior facilidade. Levam tudo e até cofres inteiros.
Costumam sequestrar pessoas para garantia de fuga segura e depois as abandona em postos de gasolina ou mesmo no meio do caminho.

Eles agem com esperteza e rapidez não dando tempo para ninguém revidar.

Suas quadrilhas são grandes e cada setor trabalha na sua área, ignorando o serviço do outro, mas tudo muito bem controlado.

São assim os bandidos modernos.


Manoel Amaral
http://www.casadosmunicipios.com.br/blog/

segunda-feira, 9 de maio de 2016

ABRIL VERMELHO - FINAL

ABRIL VERMELHO IV - FINAL


Abril começou quente, muito vermelho e terminou branco muito frio. 
Temperatura abaixo de zero, tanto na política como no tempo mesmo. Um friozinho passando pelo nariz e correndo a espinha.

Os hospitais estão cheios, como sempre, Rinite atacando aos mais fracos: crianças e velhos.

Os Deputados votaram contra a Presidenta, foi um banho de democracia. Disseram muita bobagem.

E o termo de posse de Lula como Ministro da Casa Civil não deu muito certo. Era uma maneira de se livrar da prisão. A nomeação que não houve gerou revolta em todo país. Uma faixa: Lula chefe da quadrilha, cadeia nele!

A bolsa sobe e o dólar cai. A bolsa cai e o dólar sobe.

Alguns líderes acham que o governo já acabou.

Só faltava essa: caxumba na cadeia no complexo da papuda.

E aquela manchete no jornal de São Paulo: Vagina contra o vírus do Zika.

Aqui também tem “terror como instrumento político.”
Samarco continua um “mar de lama”.

Ciclovia desaba no Rio e mata dois. Gestores culpam ressaca. Deve ser ressaca dos engenheiros.

Sérgio Moro ente os 100 mais influentes do mundo. (Revista Time).

E Dilma foi para os EUA, mas não denunciou golpe e nem conspiração.

No “apagar das luzes” a presidenta nomeia quatro novos ministros, comparece a inaugurações de obras e distribui terras na Reforma Agrária.

Neste final do mês o site da Anatel ficou fora do ar. Retaliação contra limite na internet.


E TEMER já prepara o seu governo, nada a temer.

www.casadosmunicipios.com.br