quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

PARA BANDIDO TODO DIA É DIA DE ABRAÇO

PARA BANDIDO TODO DIA É DIA DE ABRAÇO

http://radiosuperfm.net/

Se vocês, minhas jovenzinhas de 15 a 18 anos, estão numa bela festa e um bonito rapaz vem com os braços abertos anunciando um abraço, saia fora. Estará prestes a ser roubada.

Eles aparecem, geralmente são bonitões, começam conversando, depois querem abraçar a todos. No ato do abraço eles vasculham suas bolsas e bolsos.

Só numa festa destas daí, contou-se mais de mil Smartfones roubados. 

Contados apenas as pessoas que reclamaram na direção.

Então, se estiver numa festa chique, daquelas 0800, onde você pode beber todas e não pagar nenhuma, tome mais cuidado ainda. Seus pertences desaparecerão frente aos seus olhos e perceberá somente quando já não tem mais condições de reclamar com mais ninguém.

Na rua, quando tem muita gente olhando demonstrações de alguma coisa, tome mais cuidado ainda com sacolas, celulares, carteiras.

Eles estão ali observando e sem você perceber lá se foi o seu suado dinheirinho.
Os punguistas de hoje estão muito mais espertos que os do passado. Batem a carteira na sua cara e você nem percebe nada.

Enfiam a mão no seu bolso e leva o seu dinheiro. Abre e vasculham as bolsas femininas e levam só as coisas caras. Eles têm olhos nos dedos.

Se estiver indo ao banco para sacar uma quantia maior, é sempre bom levar uma pessoa consigo.

Não saia acompanhada de crianças, elas poderão distrair a sua atenção e lá se foi um prejuízo.

Nos supermercados, shoppings, grandes lojas, a atenção deve ser redobrada. Não pare na rua parecendo uma barata tonta, porque quando voltar ao normal estará de mão vazias.

Não dê papo para quem você não conhece. Se te fizerem uma proposta muito boa, pode ter a certeza que é roubo.

Não caia mais no “conto do vigário”, “conto do paco”, “conto do bilhete premiado”, isso é coisa do passado. Chame a polícia.

Fuja do “Hoje é dia de abraço grátis”, por trás disto por estar um caloteiro.

Manoel Amaral

www.afadinha.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário