sexta-feira, 20 de setembro de 2013

SOM ESTRANHO

SOM ESTRANHO



Aquela manhã estava um pouco estranha, umas nuvens muito redondas, cor arroxeadas, não era coisa normal.

Depois das oito horas um som muito estranho começou no céu, sem sabermos de onde vinha e para onde ia.

Parecia mesmo um som daqueles filmes de ficção científica, mas era real, do aqui e agora, do presente.

A família foi ficando apavorada, não parava, foi até doze horas, quando diminuiu até sumir de vez.

Quando ligaram a TV, várias pessoas também tinham ouvido os mesmo sons e nos mesmos horários.

A internet estava cheia de gente que tinha tomado conhecimento do horripilante evento.

Na manhã seguinte, às oito horas o mesmo som começou, as janelas tremiam, como quando passa uma carreta na rua.

Aquele barulho não tinha similar, era como uma máquina enorme trabalhando.

Seriam os ETs consertando naves no espaço sideral? Sei não, pode ser coisa muito pior.

Algum satélite militar descontrolado, enviando mensagens para os gabinetes do FBI ou da CIA?

Mas o estranho som continuou pelo mundo inteiro e os sites de UFOS e coisas estranhas, davam manchetes a todo momento.

Numa tarde sombria, sem ninguém esperar, aquele estranho som sumiu, como que por encanto, como o zumbido no ouvido de muita gente.


Manoel Amaral

Nenhum comentário:

Postar um comentário