quarta-feira, 25 de setembro de 2013

POUCAS E BOAS DO FACEBOOK

POUCAS E BOAS DO FACEBOOK

Imagem Google

Na época do Orkut escrevi para o site Texto Livre e para o meu blog o seguinte: “Esta Adoráveis Garotinhas.”

Agora na era do Facebook, volto com a série: “Adoráveis”. Vou começar com: “Estas Adoráveis Dudinhas”.

“Dudas” são aquelas garotinhas que vivem fotografando a si próprias para publicar no Facebook. Tiram fotos até do nariz, somente.
Não minto, passam o dia inteiro fotografando, com suas magníficas câmaras digitais nas mãos.

Tem também: “Estes Adoráveis Velhinhos”, que aposentados que, vivem com uma câmara profissional, dando uma de jornalistas, fotografando até as hortas caseiras e os pássaros que passam voando na sua rua.

E aquelas já bem madurinhas que mostram tudo: a Face e o Book, são “As Adoráveis Madurinhas”. Não querem ser, de jeito nenhum, mas aproveitam a todo o momento para aparecer.

E os jovens que querem aparecer “sarados” para as gatinhas, mas exercício que é bom mesmo, neca! O máximo que fazem é levantamento de peso: levantam o copo de cerveja. São os “Adoráveis jovens da era moderna,” da internet.

Os bobocas colocam fotos da família inteira na internet, telefone, CPF, Carteira de Identidade, endereço, CEP; senha do cartão de crédito, dando a maior documentação para os  arquivos dos bandidos. Depois sofrem um sequestro e dizem displicentemente: “ Não sei onde eles foram saber que eu sou rico!” São os “Adoráveis Bobocas do Face.”

Ah, ia esquecendo e aqueles que vivem vendendo as coisas por aqui e outros ainda que passam as manjadas correntes de dinheiro, são os “Detestáveis vendedores de Ilusão.”

Sem contar os que tentam Evangelizar o próximo, Online, são os ”Adoráveis Vigários e Pastores do Futuro.”  Na realidade os Vigaristas da religião.

E os que ficam passando artigos sensacionalistas, para conseguir visitas na sua página? Rato em Coca-Cola, pedaço de carne na cerveja, cueca furada sobre a pizza e um sem (duzentos) número de outras bobagens sem fim.

Estes são os “Adoráveis Detratores das marcas famosas”. Servem a quem? Aos concorrentes dos produtos citados. Pura perda de tempo.

Outra turma que queria atacar é aquela que se apropria de frases dos outros, não diz de quem é e sai por aí divulgando aos trancos e barrancos. O pior que às vezes publicam faltando letras, palavras ou frases inteiras. São “Os Detestáveis Plagiadores do Facebook”.

Partilhar? Tome cuidado, às vezes você não está partilhando, está pura e simplesmente fazendo a maior propaganda e de graça para um produto lançado. É isso que eles querem. “Estes Adoráveis Inventores do Multi Nível.”

E de repente você encontra a sua imagem ligada a um produto que está sendo lançado, dando o maior apoio, sem ter dado nenhuma opinião sobre aquilo, não sabe por quê? Foi por que curtiu, comentou ou compartilhou aquela propaganda. É tudo automático aqui nesta “Adorável Selva de Letras”.

Fora isto tudo de ruim, aparece algumas coisas boas: quem publica frases e coloca o nome do autor. Os contos, as crônicas e poesias, que estão por todas as páginas. As lindas fotos de jovens por todo lado. As flores, os pássaros e a identificação. As receitas de pratos gostosos. Muita coisa boa.

As reportagens e vídeos que capturam a notícia na hora: São os “Adoráveis Repórteres de Hoje”.


Pois é, tem muito mais no Facebook, vou cadastrar e publicar tudo que encontrar de interessante por aqui.

MANOEL AMARAL
www.casadosmunicipios.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário