terça-feira, 18 de maio de 2010

OSVANDIR E NAMORO NA INTERNET



(Cuidado com namoro na internet, já dizia meu tio)

“Olá Querido Osvandir,

”Sou de um país da Europa, vi o seu perfil no seu site, meu nome é ANNA, 24 anos de idade, com bom aspecto, jovem e em busca de um amigo.
E é por isso que decidi entrar em contato com você para que possamos estabelecer um bom relacionamento e também ficar a conhecer melhor.
Sua idade, raça e religião nunca é um problema para mim, tudo o que importa é verdade, o amor.
Entre em contato comigo no meu e-mail anna..@.... para que eu possa dizer mais sobre o meu perfil.
Espero ouvir um sim de você, o mais rápido possível.”

ANNA

Este foi o e-mail recebido por Osvandir, em inglês (traduzido pelo Google), na manhã de ontem.

Ficou muito feliz, mais uma linda jovem havia entrado em contato, para trocar palavras de amor.

Muito animado pegou o computador, analisou frase por frase e foi logo respondendo.

Disse que agradecia seu e-mail, que poderia enviar uma foto e informar de que país e cidade era.

Estava mesmo disposto a saber tudo sobre a garota. É muito bom conhecer pessoas e lugares.

O segundo e-mail veio logo, junto com a foto:

Querido,

“Fiquei feliz em encontrá-lo. Envio-lhe uma foto que tirei quando passeava numa fazenda.
Sou da França, gosto de ler, ouvir música, menti sobre minha idade, na realidade tenho 17 anos, estudo inglês, natação e adoro ficar conversando com amigos.
Desejo conhecer o Brasil assim que puder.
Beijinhos. Anna”

Osvandir achou interessante a sua sinceridade dizendo que mentiu quanto à idade.

Em outro e-mail confessou que seu nome verdadeiro também não era Anna e sim Isabel.

Passado algum tempo estava folheando uma revista, destas de fofoca de TV e encontrou uma foto muito parecida com Anna ou Isabel.

Pesquisou mais e ficou sabendo que aquela artista de cinema era da França e muito famosa.

Anna ou Isabel pediu que Osvandir enviasse uma foto. Aí ele quis pagar na mesma moeda: escaneou, recortou e enviou uma foto de um artista brasileiro, que reside atualmente nos Estados Unidos e que fez um grande papel no cinema recentemente.

Ela ficou nervosa e falou para ser sincero e dizer se aquela era mesmo sua foto. Osvandir fez o mesmo: perguntou se aquela era mesmo sua foto.

Naquela briga toda ficou sabendo mais uma besteira: ela não morava na França e sim no Brasil.

Depois da apuração dos fatos descobriu que ela era sua vizinha, poderia vê-la, simplesmente olhando pela janela de seu quarto.

Comprou um binóculo e passou a observá-la, procurou o número de telefone na internet, pelo número da casa e rua, achou o nome de seu pai.

Vestiu um terno preto, camisa branca e bateu na porta dizendo ser vendedor de perfume.

Ela caiu no golpe, atendeu a porta. Não tinha mais ninguém na casa.
Era até bonita, loura, jovem mesmo, talvez menos de 17 anos.

Começaram a conversar sobre vários assuntos e ele acabou convidando-a para um passeio em qualquer dia da semana a sua escolha.

Ela aceitou o convite e marcou para uma quinta-feira, num barzinho agitado da cidade.

Ficaram muito amigos. Muitos meses depois Osvandir ficou com remorso e resolveu confessar que era o rapaz que ela procurava na internet.

Ela não demonstrou nenhuma surpresa. Disse que já sabia disso!
Ela também andava observando Osvandir com binóculo...

Manoel Amaral



FAÇA SEU COMENTÁRIO, CLIQUE ABAIXO.

2 comentários: